ILHA SOLTEIRA - SP, É QUASE UM PARAISO!!

ILHA  SOLTEIRA - SP,  É QUASE UM PARAISO!!
OS MEUS JARDINS E QUINTAIS EM MINHA INFÂNCIA E ADOLESCÊNCIA !! A Minha Amada, deitada eternamente em berço esplêndido; ao som do Rio Paraná e à luz deste céu profundo!! (Crédito da Foto: http://www.skyscrapercity.com/showthread.php?t=210844 )

Cidade Gaúcha - Noroeste do Estado do Paraná

Cidade Gaúcha - Noroeste do Estado do Paraná
Meu Lar Cidade!! Aqui sou abençoado em 21 anos de lutas em prol das garantias essenciais de vida ao Povo! (Imagem Google Earth)

OUÇA A RÁDIO DO VAL!! (Se preferir não ouvir clic em Stop)

A LognPlay mantém contratos com o ECAD (Órgão para o repasse dos direitos autorais) e com a ABLF - Associação Brasileira de Licenciamento Fonográfico.

CORAÇÃO CIVIL

PARA ASSISTIR AOS VÍDEOS CLIC EM II (Pause) NO RÁDIO ACIMA.

__________________________________________

terça-feira, 9 de março de 2010

WILLIAN WALLACE

"Todos homens morrem, mas nem todos vivem"
WILLIAN WALLACE
O HERÓI E MÁRTIR DA ESCÓCIA

Sir William Wallace (1276 – 23 de agosto de 1305)

Foi um guerreiro escocês que liderou seus compatriotas na resistência à dominação inglesa imposta pelo reinado de Eduardo I.

Teria nascido em Elderslie, nos arredores de Kilmarnock, em 1274. Morreu exilado, mas venceu o exército de Eduardo I de Inglaterra na batalha conhecida como "Batalha da ponte de Stirling" ou "Stirling Bridge". Pouco depois de sua terrível execução, a independência da Escócia pôde ser restabelecida por Robert the Bruce. Sua participação foi decisiva na Guerra da Independência Escocesa, quando a monarquia, em decorrência dos conflitos incessantes entre os clãs, viu as tropas de Eduardo I avançarem para a total subjugação do reino. Wallace venceu os ingleses em várias batalhas, culminado com o nascimento do Estado escocês.
Tornou-se muito conhecido após ser biografado no filme Braveheart (Coração Valente no Brasil ou O Desafio do Guerreiro em Portugal), dirigido e estrelado por Mel Gibson. William Wallace é, certamente, um herói para os escoceses.

O pai era servo do alto administrador da Escócia, James Stewart, e é possível que Wallace tenha recebido educação na abadia de Paisley, pois admite-se que teria o dominío dos idiomas latim e francês. Possuía tios sacerdotes que talvez o tenham educado.

MONUMENTO EM HOMENAGEM AO HERÓI ESCOCÊS WILLIAN WALLACE

Casou-se com Marian (ou Murron) Braidfoot, por volta de 1297, na igreja de S. Kentingern, em Lanark. Mais tarde, em maio de 1297, ela foi assassinada a mando do xerife inglês de Lanark, William de Hazelrig. Acredita-se que ele já havia se revoltado contra os ingleses antes do assassinato de Marian, que teria ocorrido em represália a essas atividades rebeldes.

Em março de 1298, Wallace foi feito cavaleiro, possivelmente pelo próprio Robert the Bruce, em Tor Wood, e foi designado como Guardião da Escócia. O facto de um homem do seu meio ser designado para uma posição tão potencialmente poderosa indicou o quanto ele era reverenciado pelos nobres, pelo seu papel de tentar libertar a Escócia, e o quanto a liberdade era desejada pelos nobres escoceses. Não existem provas de que Wallace tenha feito mau uso do poder que lhe havia sido dado pelos nobres. Em vez disso, ele utilizou esse poder com o melhor de suas habilidades para reunir os cidadãos e os nobres em seu redor, na luta contra os ingleses. Wallace permaneceu firme e não desistiu do seu objetivo da liberdade para a Escócia. Com a ajuda dos muitos escoceses que o viam como um herói, Wallace conseguiu iludir Eduardo I por algum tempo. Entretanto, Eduardo submeteu os nobres escoceses à submissão, com tanta força que os dias de Wallace estavam contados.

A ESPADA DE WILLIAN WALLACE - DIMENSÕES: 1,67 metro altura.

Pouco se sabe a respeito da verdadeira captura de Wallace, além do fato de que ela foi realizada pelo escocês John Mentieth (ou, como dizem algumas fontes, por um servo de Mentieth). Assim, no dia 3 de agosto de 1304, crê-se que Sir John Mentieth capturou William Wallace em algum lugar perto de Glasgow. Mentieth havia estado do lado da liberdade dos escoceses algum tempo antes, mas sucumbiu a Eduardo I. Como recompensa, foi feito xerife de Dumbarton. Em relação ao filme "Coração Valente", de Mel Gibson, embora não haja indicação de que Wallace estava a caminho para encontrar Robert the Bruce quando foi traído, o filme foi preciso ao retratar a traição por um de seus próprios conterrâneos. Wallace foi levado para Londres imediatamente e chegou lá em 22 de agosto. Na manhã seguinte, foi levado pelas ruas de Fenchurch, onde as multidões zombavam dele e lhe atiravam comida e pães podres, haja vista que os ingleses haviam sido levados a acreditar que Wallace era um impiedoso fora-da-lei, que havia matado ingleses inocentes, e que deveria ser punido.

No Westminster Hall, Wallace ficou diante de uma magistratura designada pelo rei Eduardo I, que o obrigou a ficar em uma plataforma e usar o que alguns acreditavam ser uma coroa de espinhos. Além de traição, Wallace foi acusado do assassinato do xerife de Lanark, Hazelrig, oito anos antes. As acusações eram lidas e a sentença pronunciada, como era costume, uma vez que os marginais, estando fora da lei, não tinham direitos. Wallace não teve oportunidade de falar em sua própria defesa e a sentença foi executada imediatamente: Wallace foi amarrado com couro e arrastado por diversos quilômetros, até Smithfield.

MEL GIBSON - DE FORMA MAGNÍFICA PRODUZIU E PROTAGONIZOU WILLIAN WALLACE NO FILME CORAÇÃO VALENTE - UM FILME QUE VALE SEMPRE REVER

A EXECUÇÃO DE WILLIAN WALLACE

Primeiro Wallace foi enforcado até ficar quase inconsciente, e então, amarrado a uma mesa, estripado, e suas entranhas, queimadas, ainda presas a ele. Provavelmente foi também castrado, e então finalmente, foi libertado do seu sofrimento inimaginável, pela decapitação. Seu corpo foi esquartejado, e os pedaços, enviados para Newcastle upon Tyne, Berwick, Perth e Stirling. Sua cabeça foi colocada em um pique na Ponte de Londres, de modo que todos a vissem, como advertência para outros possíveis "traidores".

DETALHES DE ANACRONISMOS NO FILME BRAVEHEART - CORAÇÃO VALENTE

O filme foi vencedor de cinco Oscars no ano de 1996, incluindo melhor filme, além de inúmeros prêmios internacionais. Porém, a produção é repleta de faltas e anacronismos como, por exemplo, a relação entre Wallace e a Princesa Isabelle. Isso não poderia ter acontecido, já que ela só passou a viver na Inglaterra três anos depois da morte de Wallace. O Rei, Eduardo I, morreu três anos após Wallace numa batalha e não da forma retratada no filme.

VÍDEO EM HOMENAGEM A WILLIAN WALLACE - ATRAVÉS DO FILME CORAÇÃO VALENTE

video

Curiosidade: O filme Coração Valente - sobre Willian Wallace; Mel Gibson pesquisou nos anais históricos da Escócia, onde encontrou um poema épico escrito em 2000 versos por um poeta cego que o escreveu durante a epóca em que viveu e testemunhou a história de Willian Wallace. A partir deste poema. Mel Gibson construi o enredo do filme.

As crenças de William Wallace são claras no que alguns dizem ser seu verso favorito, originalmente em latim:

"Liberdade é a melhor de todas as coisas a ser conquistada, a verdade, lhe digo então: nunca viva com os grilhões da escravidão, meu filho" (Willian Wallace)

Nenhum comentário: