ILHA SOLTEIRA - SP, É QUASE UM PARAISO!!

ILHA  SOLTEIRA - SP,  É QUASE UM PARAISO!!
OS MEUS JARDINS E QUINTAIS EM MINHA INFÂNCIA E ADOLESCÊNCIA !! A Minha Amada, deitada eternamente em berço esplêndido; ao som do Rio Paraná e à luz deste céu profundo!! (Crédito da Foto: http://www.skyscrapercity.com/showthread.php?t=210844 )

Cidade Gaúcha - Noroeste do Estado do Paraná

Cidade Gaúcha - Noroeste do Estado do Paraná
Meu Lar Cidade!! Aqui sou abençoado em 21 anos de lutas em prol das garantias essenciais de vida ao Povo! (Imagem Google Earth)

OUÇA A RÁDIO DO VAL!! (Se preferir não ouvir clic em Stop)

A LognPlay mantém contratos com o ECAD (Órgão para o repasse dos direitos autorais) e com a ABLF - Associação Brasileira de Licenciamento Fonográfico.

CORAÇÃO CIVIL

PARA ASSISTIR AOS VÍDEOS CLIC EM II (Pause) NO RÁDIO ACIMA.

__________________________________________

quinta-feira, 30 de junho de 2011

Outra vitória e novas manifestações dos Bombeiros Militares do Rio de Janeiro

Terça-feira – 28/06 – os deputados da ALERJ aprovaram a anistia aos bombeiros.

Os Bombeiros Militares que estiveram presos no início deste mês de junho na Cidade do Rio de Janeiro após realizarem protestos reivindicando melhores condições de trabalho e melhores salários, após a aprovação da proposta que concede a anistia criminal (penal) aprovada na semana passada no Senado Federal; obtiveram também nova vitória (em partes) quando na noite desta terça-feira passada (28/06), a ALERJ – Assembléia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro – aprovou um reajuste salarial (5,58% o que ainda não é o ideal reivindicado pela categoria), o qual foi proposto pelo governador Sergio Cabral, para os Bombeiros Militares; bem como foi também aprovada por unanimidade por todos os deputados a anistia para todos os bombeiros que se manifestaram através da invasão ao quartel central da corporação. Com a aprovação da anistia, tal decisão mantém limpas as fichas dos 439 bombeiros e também dos dois policiais militares. Isto significa que todos não poderão ser punidos pela corporação pelo fato da ocupação ao quartel central. Importante ressaltar também que, os deputados na ALERJ, aprovaram novas formas de utilização para o FUNESBOM – Fundo Especial do Corpo de Bombeiros do Estado do Rio de Janeiro. Assim, o valor de 30% Será utilizado como formas de pagamentos para gratificações aos bombeiros.  Todas as propostas aprovadas seguem para ser sancionada pelo governador Sergio Cabral, que inclusive, já admitiu ter errado por ter chamado os bombeiros grevistas de vândalos devido à ocupação do quartel central da corporação na capital do Estado Rio de Janeiro.

Bombeiros Militares do Rio de Janeiro em frente ao Congresso Nacional Foto: Antonio Cruz/Abr  (Foto divulgação band.com.br)


Bombeiros Militares do Rio de Janeiro realizam novo protesto em Brasília reivindicando a anistia criminal.

Aproximadamente 500 bombeiros do Estado do Rio de Janeiro realizaram nesta quarta-feira (29/06) em Brasília, uma manifestação de protesto em reivindicação pela anistia criminal (aprovada na semana passada no Senado Federal). Outra reivindicação dos bombeiros é a aprovação da PEC 300 – cuja medida criará um piso salarial nacional para os bombeiros e aos policiais militares em todo o Brasil.   

O protesto realizado quarta-feira teve início na Câmara Legislativa do Distrito Federal, onde,  durante um evento de sessão solene na qual realizava-se uma homenagem ao Corpo de Bombeiros do DF, por ocasião em que aquela corporação irá completar 155 anos no próximo dia 02 de julho. Nesta forma de protesto na Câmara Legislativa, uma parte dos manifestantes adentrou ao auditório bradando grito em protesto contrário ao governador Sergio Cabral. Logo após essa forma de protesto, o grupo seguiu de ônibus até o centro da cidade, de onde seguiram em caminhada para o Congresso Nacional, tendo como objetivo um encontro com os deputados, para a reivindicação da aprovação do Projeto 1.524/11, de forma célere, pelos deputados em plenário da Câmara, cuja proposta anistia os bombeiros e policiais militares que ocuparam o quartel central da corporação. As lideranças do movimento explicaram que a vinda até Brasília ocorreu como forma alternativa, devido à intransigência do governo do Estado do Rio de Janeiro, em não receber os bombeiros para um diálogo, como explica um dos líderes, o cabo Daciolo: “Há mais de dois meses estamos clamando para que o governo nos receba. Por isso viemos até a esfera federal. Nós estamos acreditando que ainda hoje teremos a anistia criminal”, concluiu Daciolo. 

Bombeiro e Policial protestam algemados em Brasília (DF) para reforçar união entre categorias.
Foto: Claudia Andrade/Especial para Terra. noticias.terra.com.br 

Nenhum comentário: