ILHA SOLTEIRA - SP, É QUASE UM PARAISO!!

ILHA  SOLTEIRA - SP,  É QUASE UM PARAISO!!
OS MEUS JARDINS E QUINTAIS EM MINHA INFÂNCIA E ADOLESCÊNCIA !! A Minha Amada, deitada eternamente em berço esplêndido; ao som do Rio Paraná e à luz deste céu profundo!! (Crédito da Foto: http://www.skyscrapercity.com/showthread.php?t=210844 )

Cidade Gaúcha - Noroeste do Estado do Paraná

Cidade Gaúcha - Noroeste do Estado do Paraná
Meu Lar Cidade!! Aqui sou abençoado em 21 anos de lutas em prol das garantias essenciais de vida ao Povo! (Imagem Google Earth)

OUÇA A RÁDIO DO VAL!! (Se preferir não ouvir clic em Stop)

A LognPlay mantém contratos com o ECAD (Órgão para o repasse dos direitos autorais) e com a ABLF - Associação Brasileira de Licenciamento Fonográfico.

CORAÇÃO CIVIL

PARA ASSISTIR AOS VÍDEOS CLIC EM II (Pause) NO RÁDIO ACIMA.

__________________________________________

segunda-feira, 4 de junho de 2012

DIA MUNDIAL DO MEIO AMBIENTE E DIA DA ECOLOGIA.


(REEDIÇÃO - POSTAGEM PUBLICADA EM 05 DE JUNHO DE 2011)


05 de junho - Dia do meio ambiente e Dia da Ecologia.

Canção de amor ao planeta  (Banda Alma Sonora).

(Para assistir ao vídeo Clic em II Pause no Player da Rádio ao início do Blog)

Fonte: http://www.youtube.com/user/aldirperozin
Crédito: aldirperozin


A criação da data foi em 1972, em virtude de um encontro promovido pela ONU (Organização das Nações Unidas), a fim de tratar assuntos ambientais, que englobam o planeta, mais conhecido como conferência das Nações Unidas.


A conferência reuniu 113 países, além de 250 organizações não governamentais, onde a pauta principal abordava a degradação que o homem tem causado ao meio ambiente e os riscos para sua sobrevivência, onde a diversidade biológica deveria ser preservada acima de qualquer possibilidade.
Nessa reunião, criaram-se vários documentos relacionados às questões ambientais, bem como um plano para traçar as ações da humanidade e dos governantes diante do problema.

A importância da data é devido às discussões que se abrem sobre a poluição do ar, do solo e da água; desmatamento; diminuição da biodiversidade e da água potável ao consumo humano, destruição da camada de ozônio, destruição das espécies vegetais e das florestas, extinção de animais, dentre outros.
A partir de 1974, o Brasil iniciou um trabalho de preservação ambiental, através da secretaria especial do meio ambiente, para levar à população informações acerca das responsabilidades de cada um diante da natureza.
Mas em face da vida moderna, os prejuízos ainda estão maiores. Uma enorme quantidade de lixos é descartada todos os dias, como sacos, copos e garrafas de plástico, latas de alumínio, vidros em geral, papéis e papelões, causando a destruição da natureza e a morte de várias espécies animais.

A política de reaproveitamento do lixo ainda é muito fraca, em várias localidades ainda não há coleta seletiva; o que aumenta a poluição, pois vários tipos de lixos tóxicos, como pilhas e baterias são descartados de qualquer forma, levando a absorção dos mesmos pelo solo e a contaminação dos lençóis subterrâneos de água.

E cada um pode cumprir com o seu papel de cidadão, não jogando lixo nas ruas, usando menos produtos descartáveis e evitando sair de carro todos os dias. Se cada um fizer a sua parte o mundo será transformado e as gerações futuras viverão sem riscos.

Por Jussara de Barros
Graduada em Pedagogia




Sãs Provações
(Fábio Corciolli e Daniel  Soares Cavalcante)

Medo do medo da morte
Da vida ao acaso
Do senso de sorte
De ser o que somos
De onde viemos
Da fase em que estamos
Onde acabaremos ?
Medo...
Credo em tantas razões
Em tantas rezingas
Em sãs provações
Em vários milagres
Em deuses eternos
Em templos sagrados
Onde rezaremos ?
Medo...
homens que causam mazelas
Que são deletérios
Que deixam sequelas
Que exalam venenos
Que vivem pornéias
Que criam falácias
Em quem votaremos ?
Medo...

Crédito formatação: um_peregrino

FLAGRANTES DE DESRESPEITOS AO MEIO AMBIENTE EM CIDADE GAÚCHA - REGIÃO NOROESTE DO ESTADO DO PARANÁ:


ARBORIZAÇÃO PÚBLICA MUNICIPAL

Aqui em Cidade Gaúcha - noroeste do Estado do Paraná, grande número das nossas árvores públicas são tratadas como lixeiras. São assassinadas, envenenadas, mercantilizadas e devastadas; e não há quem fiscalize. O Código de Posturas Municipal nas disposições legais ao que se referem as nossas árvores é bonito e sério apenas no papel... É LETRA MORTA E SEPULTADA.

ÁRVORE SIBIPIRUNA SERVINDO COMO LIXEIRA - EM PLENA ÁREA CENTRAL DA CIDADE, E OCORRE EM TODOS OS BAIRROS EM TODO O PERÍMETRO URBANO.

OUTRA ÁRVORE SIBIPIRUNA SERVINDO COMO LIXEIRA - ÁREA CENTRAL DA CIDADE.

EU NUNCA HAVIA VISTO PREGO TÃO GRANDE. FOI FEITO EM VERGALHÃO DE CONSTRUÇÃO CIVIL, E POSSUI NA PARTE EXTERNA 2 CM DE CABEÇA POR 12 CM DE COMPRIMENTO (DO LADO DE FORA), E FOI FINCADO NO TRONCO DA ÁRVORE SIBIPIRUNA. FICO TENTANDO IMAGINAR QUAL É O TAMANHO DO PREGO QUE FOI FINCADO NO TRONCO. PARA PODER TENTAR ENTENDER ESTE CRIME, O(A) AUTOR(A) DO CRIME, AO INVÉS DE FINCAR O PREGO NA ÁRVORE, DEVERIA TÊ-LO FINCADO NOS PRÓPRIOS PÉS E PADECER PREGADO NA ÁRVORE.  ESTA SIBIPIRUNA ESTÁ LOCALIZADA TAMBÉM EM ÁREA CENTRAL DA CIDADE.

OUTRO FLAGRANTE DE CRIME AMBIENTAL E DESRESPEITO O QUAL ERA PRATICADO  EM ÓRGÃO PÚBLICO. AO LADO DESSA ÁRVORE FOI CONTRUÍDO UM SUPORTE PARA COLOCAÇÃO DE LIXOS; LIVRANDO-A APÓS ANOS E ANOS TER SERVIDO COMO LIXEIRA. (Rua José Araujo Chaves - esquina com a Avenida Riograndense)

ESTAS ÁRVORES POSSUÍAM CERCA DE 10 METROS DE ALTURA. ERAM PARA SEREM APENAS PODADAS, MAS POR "FALTA DE ATENÇÃO" (ENTRE ASPAS), FORAM "DECAPITADAS".  ALÉM DESTAS DUAS ÁRVORES OUTRAS DOZE ÁRVORES FORAM TAMBÉM ASSASSINADAS. ESTE CRIME AMBIENTAL ESTÁ SOB PROCESSO EM TRÂMITES NA JUSTIÇA.

NA FOTO ACIMA, ESTÁ PARTE DA MADEIRA DAS OUTRAS DOZE ÁRVORES QUE FORAM ASSASSINADAS. A MADEIRA FOI  EXTRAÍDA E VENDIDA. ONDE SERÁ QUE FOI PARAR O DINHEIRO; QUEM FOI BENEFICIADO? SERÁ QUE EXISTE ALVARÁ DE FUNCIONAMENTO PARA QUE HABILITE O EXPLORADOR DE MADEIRA? SERÁ QUE EXISTE LICENÇA DO IBAMA PARA USO DE MOTOSSERA PARA EXPLORAR MADEIRA?  SERÁ QUE EXISTE DISPOSITIVOS LEGAIS QUE AUTORIZA O REPASSE DOS SERVIÇOS DE EXPLORAÇÃO DA ARBORIZAÇÃO PÚBLICA? SERÁ QUE EXISTE DECLARAÇÃO DO IMPOSTO DE RENDA À RECEITA FEDERAL SOBRE TAL ATIVIDADE DE EXPLORAÇÃO DE MADEIRA?
Oito árvores Sibipirunas foram envenenadas no Estádio Municipal. Foi feito a denúncia na Delegacia de Polícia Civil local; porém, não tenho informações se o inquérito policial foi realmente instaurado, concluído e remetido ao Poder Judiciário da Comarca de Cidade Gaúcha.

Todas as oito árvores foram perfuradas com furadeiras e foram injetados venenos nos troncos das árvores (nota-se manchas de veneno no tronco da árvore) e as mesmas secaram - morreram.

Outras duas árvores frutíferas mangueiras foram exterminadas na Pré Escola Municipal Pequeno Príncipe. O corte destas destas duas árvores frutíferas também foram denunciadas na Delegacia de Polícia local. O corte das árvores não possui documento de Autorização, conforme a mim foi dito pelo responsável que emite a Autorização e também pela Diretora da Instituição de Ensino. Há anos atrás protocolei formalmente um Requerimento na Secretaria Municipal de Educação, solicitando para a Secretária de Educação várias informações e cópias de documentos referentes aos fatos; entretanto, mesmo sob as formas da lei as informações nunca foram repassadas, até o momento nada foi providenciado.

Entre as várias informações solicitadas no Requerimento junto a Secretaria Municipal de Educação, há solcitações relativas a exploração da madeira retirada das árvores frutíferas.

Morte antecipada em mais de quatro anos. Esta Falsa Seringueira - Nome científico: Ficus elastica; foi cortada para a reforma da Estação Rodoviária Municipal. Se não tivesse sido cortada, não teria atrapalhado em nada. As obras iniciaram já fazem mais de quatro anos. A obra empacou e foi motivo de CPI da Câmara de Vereadores, com referência aos gastos, onde o Relatório apontou gastos diferentes, muito abaixo aos custos relatados pelo Poder Executivo Municipal. 

LIXÕES A CÉU ABERTO

Lixão a céu aberto na Pista de Pouso 

Criança e adolescente catando lixo

Lixo jogado em Área de Preservação

DESEQUILÍBRIO AMBIENTAL

O Caramujo gigante africano - Achatina fulica, é uma praga exótica que infesta grande parte do perímetro urbano e expandindo-se para a área rural de Cidade Gaúcha; causando inúmeros transtornos para a população. 

O Caramujo gigante africano, após os seis meses de idade torna-se adulto e pode realizar posturas de aproximadamente 1000 ovos por ano. As formas corretas de controle e extermínio desta praga foi postada em Artigo neste Blog.


Crédito formatação: um_peregrino

O MEIO AMBIENTE

O meio ambiente, comumente chamado apenas de ambiente, envolve todas as coisas vivas e não-vivas ocorrendo na Terra, ou em alguma região dela, que afetam os ecossistemas e a vida dos humanos.


O conceito de meio ambiente pode ser identificado por seus componentes:


Completo conjunto de unidades ecológicas que funcionam como um sistema natural sem uma massiva intervenção humana, incluindo toda a vegetação, animais, microorganismos, solo, rochas, atmosfera e fenômenos naturais que podem ocorrer em seus limites.

Recursos e fenômenos físicos universais que não possuem um limite claro, como ar, água, e clima, assim como energia, radiação, descarga elétrica, e magnetismo, que não se originam de atividades humanas.


O ambiente

O ambiente natural se contrasta com o ambiente construído, que compreende as áreas e componentes que foram fortemente influenciados pelo homem.

Composição

As ciências da Terra geralmente reconhecem quatro esferas, a litosfera, a hidrosfera, a atmosfera e a biosfera, correspondentes às rochas, água, ar e vida. Alguns cientistas incluem, como parte das esferas da Terra, a criosfera (correspondendo ao gelo) como uma porção distinta da hidrosfera, assim como a pedosfera (correspondendo ao solo) como uma esfera ativa.


Ciências da Terra é um termo genérico para as ciências relacionadas ao planeta Terra. Há quatro disciplinas principais nas ciêncais da Terra: geografia, geologia, geofísica e geodésia. Essas disciplinas principais usam física, química, biologia, cronologia e matemática para criar um entendimento qualitativo e quantitativo para as áreas principais ou esferas do "sistema da Terra".

Atividade geológica


A crosta da Terra, ou litosfera, é a superfície sólida externa do planeta e é química e mecanicamente diferente do manto do interior. A crosta tem sido gerada largamente pelo processo de criação das rochas ígneas, no qual o magma (rocha derretida) se resfria e se solidifica para formar rocha sólida. Abaixo da litosfera se encontra o manto no qual é aquecido pela desintegração dos elementos radioativos. O processo de convecção faz as placas da litosfera se moverem, mesmo lentamente. O processo resultante é conhecido como tectonismo. Vulcões se formam primariamente pelo derretimento do material da crosta da zona de subducção ou pela ascensão do manto nas dorsais oceânicas e pluma mantélica.

Água na Terra
Oceanos

Um oceano é um grande corpo de água salina e um componente da hidrosfera. Aproximadamente 71% da superfície da Terra (uma área de 361 milhões de quilômetros quadrados) é coberta pelo oceano, um contínuo corpo de água que é geralmente dividido em vários oceanos principais e mares menores. Mais da metade dessa área está numa profundidade maior que três mil metros. A salinidade oceânica média é por volta de 35 partes por milhar (ppt) (3,5%), e praticamente toda a água do mar tem uma salinidade de 30 a 38 ppt. Apesar de geralmente reconhecidos como vários oceanos 'separados', essas águas formam um corpo global interconectado de água salina por vezes chamado de Oceano Global. Esse conceito de oceano global como um corpo contínuo de água com um intercâmbio relativamente livre entre suas partes é de fundamental importância para a oceanografia. As principais divisões oceânicas são definidas em parte pelos continentes, vários arquipélagos, e outros critérios: essas divisões são (em ordem decrescente de tamanho) o Oceano Pacífico, o Oceano Atlântico, o Oceano Índico, o Oceano Antártico e o Oceano Ártico.

Um rio é um curso de água natural, geralmente de água doce, fluindo em direção a um oceano, lago, mar, ou outro rio. Em alguns poucos casos, o rio simplesmente flui para o solo ou seca completamente antes de alcançar outro corpo de água. Rios pequenos podem ser conhecidos por vários outros nomes, incluindo córrego, angra e ribeiro. Nos Estados Unidos um rio é classificado como curso de água se tiver mais de dezoito metros de largura. A água do rio geralmente está em um canal, formado por um leito entre bancos. Em rios mais largos há também muitas zonas sujeitas a inundações formadas pelas águas de enchente atingindo o canal. Essas zonas podem ser bem largar em relação ao tamanho do canal do rio. Rios são parte do ciclo da água. A água do rio é geralmente coletada da precipitação através da bacia hidrográfica e por reabastecimento da água subterrânea, nascentes e liberação da água armazenada nas geleiras e coberturas de neve.

Lagos

O lago (do latin lacus) é um acidente geográfico, um corpo de água que está localizado no fundo de uma depressão. O corpo de água é considerado um lago quando está cercado por terra, não faz parte de um oceano, é mais largo e mais profundo que uma lagoa e é alimentado por um rio.


Lagos naturais da Terra são geralmente encontrados em áreas montanhosas, riftes, e áreas com glaciação em andamento ou recente. Outros lagos são encontrados em bacias endorreicas ou ao longo do curso de rios maduros. Em algumas partes do mundo, há muitos lagos por causa do caótico padrão de drenagem deixado pela última Era do Gelo. Todos os lagos são temporários em relação a escalas geológicas de tempo, pois eles são lentamente preenchidos com sedimentos ou são liberados da bacia que os contém.

Atmosfera, clima e tempo


A atmosfera da Terra serve como um fator principal para sustentar o ecossistema planetário. A fina camada de gases que envolve a Terra é mantida no lugar pela gravidade do planeta. O ar seco consiste em 78% de nitrogênio, 21% oxigênio, 1% árgon e outros gases inertes como o dióxido de carbono. Os gases restantes são geralmente referenciados como "trace gases", entre os quais se encontram os gases do efeito estufa como o vapor d'água, dióxido de carbono, metano, óxido nitroso e ozônio. O ar filtrado inclui pequenas quantidades de muitos outros compostos químicos. O ar também contém uma quantidade variável de vapor d'água e suspensões de gotas de água e cristais de gelo vistos como nuvens. Muitas substâncias naturais podem estar presentes em quantidades mínimas em amostras de ar não filtrado, incluindo poeira, pólen e esporos, maresia, cinzas vulcânicas e meteoroide. Vários poluentes industriais também podem estar presentes, como cloro (elementar ou em compostos), compostos de flúor, mercúrio na forma elementar, e compostos de enxofre como o dióxido de enxofre [SO²].


A camada de ozônio da atmosfera terrestre possui um importante papel em reduzir a quantidade de radiação ultravioleta (UV) que atinge a superfície. Como o DNA é facilmente danificado pela luz UV, isso serve como proteção para a vida na superfície. A atmosfera também retém calor durante a noite, assim reduzindo os extremos de temperatura durante o dia.

Camadas atmosféricas
Principais camadas

A atmosfera terrestre pode ser dividida em cinco camadas principais. Essas camadas são determinadas principalmente pelo aumento ou redução da temperatura de acordo com a altura. Da mais alta a mais baixa, essas camadas são:  Exosfera, Termosfera, Mesosfera, Estratosfera, Troposfera;


Outras camadas: Ozonosfera, Ionosfera, Homosfera e heterosfera - Camada limite atmosférica.

Efeitos do aquecimento global

DERRETIMENTO DAS CALOTAS POLARES

http://mt62.spaces.live.com/

DERRETIMENTO DAS CAMADAS DE NEVES EM CADEIAS DE MONTANHAS

O perigo potencial do aquecimento global está sendo estudado cada vez mais por um grande consórcio global de cientistas, que estão cada vez mais preocupados com os efeitos em potenciais a longo prazo do aquecimento global em nosso ambiente natural e no planeta. De especial preocupação é como a mudança climática e o aquecimento global causado por antropogênicos, ou liberação de gases do efeito estufa feitos pelo homem, mais notavelmente o dióxido de carbono, podem interagir, e ter efeitos adversos sobre o planeta, seu ambiente natural e a existência humana. Esforços tem sido cada vez mais focados na mitigação dos gases estufa que estão causando mudanças climáticas, no desenvolvimento de estratégias de adaptação para o aquecimento global, para ajudar homens, espécies de animais e plantas, ecossistemas, regiões, e nações em se adequar aos efeitos do aquecimento global. Alguns exemplos de colaboração recente em relação a mudança climática e aquecimento global incluem:


O tratado e convenção da Convenção-Quadro das Nações Unidas sobre a Mudança do Clima sobre Mudança Climática, para estabilizar as concentrações de gases estufa na atmosfera em um nível que iria prevenir uma perigosa interferência antropogênica no sistema climático.


O Protocolo de Quioto, que é o protocolo para o tratado internacional Convenção-Quadro das Nações Unidas sobre a Mudança do Clima, também com o objetivo de reduzir os gases estufa em um esforço de prevenir mudanças climáticas antropogênicas.


A Western Climate Initiative, para identificar, avaliar, e implementar meios coletivos e cooperativos para reduzir os gases estufa na região, se focando em um sistema de mercado em mercado de captação-e-troca.

Tempo


O Nascer do Sol em Ilha Solteira - SP.

Photos by edsondelrio


Tempo é o conjunto de fenômenos ocorrendo em uma dada atmosfera em um certo tempo. A maioria dos fenômenos de tempo ocorrem na troposfera, logo abaixo da estratosfera. O tempo se refere, geralmente, a temperatura e atividade de precipitação no dia-a-dia, enquanto o clima é um tempo para as condição atmosférica média em um longo período de tempo. Quando usado sem qualificação, "tempo" é entendido como o tempo da Terra.


O tempo ocorre pela diferença de densidade (temperatura e mistura) entre um local e outro. Essa diferença pode ocorrer por causa do ângulo do sol em um local específico, que varia de acordo com a latitude dos trópicos. O forte contraste de temperaturas entre o ar polar e tropical dá origem a correntes de ar. Sistemas de temperatura em altitudes medianas, como ciclones extratropicais, são causados pela instabilidade no fluxo das correntes de ar. Como o eixo da Terra é inclinado relativo ao seu plano de órbita, a luz solar incide em diferentes ângulos em diferentes épocas do ano. Na superfície da terra, a temperatura normalmente varia de ±40 °C anualmente. Ao passar de milhares de anos, mudanças na órbita da Terra afetou a quantidade e distribuição de energia solar recebida pela Terra e influenciou o clima a longo prazo.


A temperatura da superfície difere, por sua vez, por causa de diferença de pressão. Altas altitudes são mais frias que as mais baixas por causa da diferença na compressão do calor. A previsão do tempo é uma aplicação da ciência e tecnologia para predizer o estado da atmosfera da Terra em uma determinada hora e lugar. A atmosfera da Terra é um sistema caótico, então pequenas mudanças em uma parte do sistema podem causar grandes efeitos no sistema como um todo. Os homens tem tentado controlar o clima ao longo da história, e há evidências que atividades humanas como agricultura e indústria tenham inadvertidamente modificado os padrões climáticos.

Vida



http://pt.wikipedia.org/wiki/Meio_ambiente

As evidências sugerem que a vida na Terra tenha existido a 3.7 bilhões de anos. Todas as formas de vida compartilham mecanismos moleculares fundamentais, e baseando-se nessas observações, teorias sobre a origem da vida tem tentado encontrar um mecanismo explicando a formação do organismo de célula única primordial de onde toda a vida se originou. Há muitas hipóteses diferentes sobre o caminho que pode ter levado uma simples molécula orgânica, passando por vida pré-celular, até protocelular e metabolismo.


Na biologia, a ciência dos organismos vivos, "vida" é a condição que distingue organismos ativos da matéria inorgânica, incluindo a capacidade de crescimento, atividade funcional e a mudança contínua precedendo a morte. Um diverso conjunto de organismos vivos (formas de vida) pode ser encontrado na biosfera da Terra, e as propriedades comuns a esses organismos - plantas, animais, fungos, protistas, archaea e bactéria - são formas celulares baseadas em carbono e água com uma complexa organização e informações genéticas hereditárias. Organismos vivos passam por metabolismo, mantém homeostase, possuem a capacidade de crescimento, responder a estímulo, reprodução e, através da seleção natural, se adaptar ao seu ambiente em sucessivas gerações.] Organismos de vida mais complexa podem se comunicar através de vários meios.

Ecossistema
Reserva de Tambopata Candamo - Peru.
FOTO © Thomas Marent

Um ecossistema é uma unidade natural consistindo de todas as plantas, animais e micro-organismos (fatores bióticos) em uma área funcionando em conjunto com todos os fatores físicos não-vivos (abióticos) do ambiente.
Um conceito central do ecossistema é a ideia de que os organismos vivos estão continuamente empenhados em um conjunto altamente interrelacionado de relacionamentos com cada um dos outros elementos constituindo o ambiente no qual eles existem. Eugene Odum, um dos fundadores da ciência da ecologia, afirmou: "Any unit that includes all of the organisms (ie: the "community") in a given area interacting with the physical environment so that a flow of energy leads to clearly defined trophic structure, biotic diversity, and material cycles (ie: exchange of materials between living and nonliving parts) within the system is an ecosystem."


O conceito humano de ecossistema é baseado na desconstrução da dicotomia homem / natureza, e na promessa emergente que todas as espécies são ecologicamente integradas com as outras, assim como os constituintes abióticos de seu biótipo.


Um maior número ou variedade de espécies ou diversidade biológica de um ecossistema pode contribuir para uma maior resiliência do ecossistema, porque há mais espécies presentes no local para responder a mudanças e assim "absorver" ou reduzir seus efeitos. Isso reduz o efeito antes da estrutura do ecossistema mudar para um estado diferente. Esse não é sempre o caso e não há nenhuma prova da relação entre a diversidade de espécies em um ecossistema e sua habilidade para prover um benefício a nível de sustentabilidade. Florestas tropicais úmidas produzem muito pouco benefício e são extremamente vulneráveis a mudança, enquanto florestas temperadas rapidamente crescem de volta para seu estado anterior de desenvolvimento dentro de um lifetiome após cair ou a floresta pegar fogo. Algumas pradarias tem sido exploradas sustentavelmente por milhares de anos (Mongólia, turfa européia, e mooreland communities).


O termo ecossistema pode também ser usado para ambientes criados pelo homem, como ecossistemas humanos e ecossistemas influenciados pelo homem, e pode descrever qualquer situação na qual há uma relação entre os organismos vivos e seu ambiente. Atualmente, existem poucas áreas na superfície da terra livres de contato humano, apesar de algumas áreas genuinamente wilderness continuem a existir sem qualquer forma de intervenção humana.

Biomas


Bioma é, terminologicamente, similar ao conceito de ecossistemas, e são áreas na Terra climática e geograficamente definidas com condições climáticas ecologicamente similares, como uma comunidades de plantas, animais e organismos do solo, geralmente referidos como ecossistemas. Biomas são definidos na base de fatores como estrutura das plantas (como árvores, arbustos e grama), tipo de folha (como broadleaf e needleleaf), e clima. Ao contrário das ecozonas, biomas não são definidos pela genética, taxonomia, ou similaridades históricas. biomas são normalmente identificados com padrões particulares de sucessão ecológica e vegetação clímax.

Ciclos biogeoquímico

Ciclos biogeoquímicos globais são essenciais para a vida, mais notavelmente os ciclos da água, oxigênio, carbono,. nitrogênio e fósforo.

O ciclo do nitrogênio é a transformação do nitrogênio em compostos contendo nitrogênio na natureza. É um ciclo que contém compostos gasosos.

O ciclo da água, é o contínuo movimento da água na, sobre e abaixo da superfície da Terra. A água pode mudar de estado entre líquido, vapor, e gelo em várias etadas do ciclo da água. Apesar da quantidade de água na Terra permanecer praticamente constante ao longo do tempo, moléculas individuais de água podem ser criadas ou desaparecer.

O ciclo do carbono é o ciclio biogeoquímico no qual o carbono é passado entre a biosfera, pedosfera, geosfera, hidrosfera, e atmosfera da Terra.

O ciclo do oxigênio é o movimento do oxigênio dentro e entre os três maiores reservatórios: a atmosfera, a biosfera, e a litosfera. O principal fator do ciclo do oxigênio é a fotossíntese, que é responsável pela composição atmosférica e pela vida na Terra moderna.

O ciclo do fósforo é o movimento do fósforo pela litosfera, hidrosfera, e biosfera. A atmosfera não possui um papel significativo no movimento do fósforo porque o fósforo e componentes fosfóricos são normalmente sólidos nos níveis mais comuns de temperatura e pressão na Terra.

Desafios


Crédito formatação: um_peregrino

O ambientalismo é um largo movimento politico, social, e filosófico que advoca várias ações e políticas com interesse de proteger a natureza que resta no ambiente natural, ou restaurar ou expandir o papel da natureza nesse ambiente.

Objetivos geralmente expressos por cientistas ambientais incluem:

Redução e limpeza da poluição, com metas futuras de poluição zero;

Reduzir o consumo pela sociedade dos combustíveis não-renováveis;

Desenvolvimento de fontes de energia alternativas, verdes, com pouco carbono ou de energia renovável;

Conservação e uso sustentável dos escarsos recursos naturais como água, terra e ar;

Proteção de ecossistemas representativos ou únicos;

Preservação de espécie em perigo ou ameaçadas de extinção;

O estabelecimento de reservas naturais e biosferas sob diversos tipos de proteção; e, mais geralmente, a proteção da biodiversidade e ecossistemas nos quais todos os homens e outras vidas na Terra dependem.

Grandiosos projetos de desenvolvimento - megaprojetos - colocam desafios e riscos especiais para o ambiente natural. Grandes represas e centrais energéticas são alguns dos casos a citar. O desafio para o ambiente com esses projetos está aumentando porque mais e maiores megaprojetos estão sendo construídos, em nações desenvolvidas e em desenvolvimento.




As quatro fotos acima possuem Crédito de formatação: um_peregrino

Esta postagem de Artigo em comemoração ao Dia Mundial do Meio Ambiente é em homenagem à nossa Querida e Saudosa Irmã Dorothy Stang  (  ☼ 1931 --  † 2005 ).

Missionária norte-americana naturalizada brasileira, ela dedicou a vida à promoção da justiça social e ecológica.

Implementou projetos de reflorestamento em áreas degradadas e promoveu a dignidade e a geração de emprego e renda para os mais empobrecidos.

Ajudou a fundar a primeira escola de formação para professores na Rodovia Tranzamazônica - A Escola Brasil Grande. E permanece viva no coração de todos aqueles que abraçam os mesmos ideais e que trabalham por um mundo mais justo e fraterno.

 
Crédito formatação: um_peregrino

A Irmã Dorothy Stang foi assassinada, com seis tiros, um na cabeça e cinco ao redor do corpo, aos 73 anos de idade, no dia 12 de fevereiro de 2005, às sete horas e trinta minutos da manhã, em uma estrada de terra de difícil acesso, à 53 quilômetros da sede do município de Anapu, no Estado do Pará, Brasil.

Segundo uma testemunha, antes de receber os disparos que lhe ceifaram a vida, ao ser indagada se estava armada, Irmã Dorothy afirmou «eis a minha arma!» e mostrou a Bíblia. Leu ainda alguns trechos deste livro para aquele que logo em seguida lhe balearia.

"Não vou fugir e nem abandonar a luta desses agricultores que estão desprotegidos no meio da floresta. Eles têm o sagrado direito a uma vida melhor numa terra onde possam viver e produzir com dignidade sem devastar."

Uma Jornada de Coragem

Crédito formatação: um_peregrino

DEVEMOS LUTAR POR AQUILO EM QUE ACREDITAMOS, INDEPENDENTE DO PREÇO QUE TEREMOS QUE PAGAR - SEJA ELE QUAL FOR, COMO FOR, E ONDE POSSA SER. DEUS ESTARÁ PRESENTE!

Esta postagem de Artigo em comemoração ao Dia Mundial do Meio Ambiente e Dia da Ecologia é em homenagem In Memorian de Laurent Schwebel...

Foto AFP lanacion.com
Laurent Schwebel

O turista francês Laurent Schwebel, de 52 anos, morreu esfaqueado em 08 de fevereiro de 2012, por um criminoso que queria roubar sua câmara fotográfica no centro de Buenos Aires.
Schwebel, geólogo, fotógrafo e guia turístico da empresa de viagens Grands Espaces, tinha participado de uma expedição pela Antártica e fazia na capital argentina uma escala em sua viagem de volta à França, detalhou à Efe, Christian Kempf, colega de trabalho da vítima.
O francês recebeu uma facada quando reagiu a um assalto na frente do monumento em homenagem às vítimas da Guerra das Malvinas, na Praça do Libertador, próxima à estação de ônibus e trens do Retiro.
Segundo os meios de comunicação locais, o assaltante foi detido minutos depois pela Polícia federal argentina e, segundo a imprensa local, já cometeu outros delitos na mesma região.
Segundo explicou Kempf, Laurent Schwebel tinha a intenção de visitar as Cataratas do Iguaçu, na fronteira entre Argentina e Brasil, antes de retornar à Europa.


Abaixo estão algumas obras fotográficas de Laurent Schwebel:








DEUS cuidará de quem cuidar da Terra.


Conheça mais sobre Laurent Schwebel:



5 comentários:

Anônimo disse...

Hello. What better http://google.com or http://yahoo.com ?

Val Minillo disse...

http://google.com is the best.

Thank you for your comment

Anônimo disse...

Hello I do not agree with all of you!

Val Minillo disse...

I understand your position and opinion. Thanks to your comment.

Anônimo disse...

Hi A very nice niche blog, and a good design there sparks Simplicity yet complex algorithm of the internet. Thank You.